O Professor contemporâneo e as TDIC

learn-808753_1280

Educação com qualidade, a construção do conhecimento na sociedade de informação e comunicação, a utilização das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC)…

Estes são alguns dos temas que nos levam a pensar sobre estratégias de ensino-aprendizagem que conduzam  os alunos a aprenderem verdadeiramente e não somente passarem de ano: devem ser estratégias capazes de levar esses jovens a criarem, a serem empreendedores, a darem vazão a sua sensibilidade e a sua intuição, com vistas a uma sociedade mais humanizada.

Como fazê-lo? Como levar o professor a compreender que no desempenho de sua função a formação continuada é um requisito de suma importância?

Por outro lado, como levar os profissionais de formação de professores, e mesmos os professores, a compreender  que não se trata de abandonar antigas estratégias e tecnologias, mas que os objetivos mudaram e que elas devem ser reinventariadas (sim, não reinventadas), compondo o corpus de estratégias e tecnologias para auxiliar no processo de ensino-aprendizagem, de acordo com as necessidades?

Sim, porque não se trata, por exemplo, de abandonar a exposição, mas de introduzi-la em outro momento do processo, não para apresentar o conteúdo.

Também não se trata de “jogar fora os conteúdos”, mas compreender que fazem parte de um TODO, interligados necessariamente, segundo uma visão interdisciplinar. Não dá mais para ensiná-los de forma estanque tão somente (em alguns momentos temos necessidade de isolar as informações) pois têm de fazer sentido, devem ser também “utilizáveis” (servirem só para fazer prova não dá mais!).

Muitos professores são acumuladores, não se desapegam de todo o acervo acumulado durante sua formação inicial, não abrem espaço para “tirar todo o pó que se acumula sobre sua biblioteca”, para renová-la, acrescentando volumes ou modificando-a, não abrem espaço para o frescor em suas vidas.

E aí… se cansam mais rapidamente… cansam de seus alunos, de suas escolas, de suas disciplinas…

Algo bem paradoxal, não é mesmo? Porque o conhecimento é empolgante! Aprender é extremamente estimulante, traz nova luz sobre nossas vidas! Diz o ditado popular que “quem deixa de aprender, está morto”.

adult-education-572269_1280

E onde entram as TDIC?

Elas permitem que possamos ampliar o conceito de aprendizagem e o conceito de aula, ampliando os conceitos de espaço e tempo, ampliando, enfim, as chances de diminuir a exclusão dos que querem e devem ter acesso à Educação.

Bem, não esgotemos todo o assunto nesta postagem. Vamos construir nossa reflexão colaborativamente!

Aguardo sua contribuição!

Até mais!!!

Anúncios

4 comentários sobre “O Professor contemporâneo e as TDIC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s